.

Victor   Martins nasceu na Ilha Terceira, Açores, a 5 de Outubro de 1957. Com pouco   mais de dois anos de idade foi levado por seus pais, Manuel Martins e   Prudência Martins para a Ilha do Pico de onde são naturais, para logo depois   transitarem para a ilha do Faial onde Victor viveu até completar onze anos de   vida.

IMG_1772_small-476x286

Em   1969 emigrou com sua mãe para o Canadá para se juntar a seu pai que já se   encontrava vivendo naquele país. Frequenta então a escola secundária enquanto   que na companhia de seus familiares e amigos acorre aos fins de semana ao   Clube Amor Da Pátria o qual havia sido fundado por seu pai e alguns amigos.   Foi ali, numa vivência com características bem açorianas, que Victor Martins   começou a entusiasmar-se pela música, ou não fosse ele um descendente de uma   família toda voltada para a arte musical, começando a fazer parte de alguns   conjuntos como trompetista. Mais tarde, junta-se a outros jovens cujos pais   também frequentam o Amor Da Pátria, e formam os Baleeiros, atribuição que se   ficou devendo ao facto dos seus membros serem oriundos de famílias naturais   das ilhas Pico e Faial. Algum tempo depois o título Baleeiros é substituído   por São Remo por influência do festival italiano da canção do mesmo nome,   todavia realizado anualmente.

IMG_1392_small-476x286

Á   medida que o tempo passa Victor Martins entusiasma-se pelos sons da bateria,   instrumento constituído por uma série de utensílios musicais com sonoridades   diferentes, que aprende a executar com rapidez, acabando por se tornar em   baterista do grupo São Remo, e participando simultaneamente nos coros do   mesmo, factor que o vem a influenciar mais tarde. Passados dois anos dá-se a   dissolução de São Remo, e Victor Martins ingressa no Strong Wind com o qual,   sob o título Ventos de Portugal, Fátima Ferreira é acompanhada na gravação da   marcha do Sport Clube Lusitânia de Toronto. Seguem-se depois as incursões nos   conjuntos musicais: Os Unidos, Destiny, Paradise, Universal, e finalmente os   Ritz que emprestam o nome a uma cassetete gravada em 1992.

IMG_1607_small-476x286

Doze   anos são decorridos, e devido a imprevistos factores familiares, Victor   Martins afasta-se das lides musicais às quais vem a regressar em 2006 para se   dedicar às cantigas a solo, e com mais afinco. Seguem-se então assíduas   actuações pelos clubes e associações da Província do Ontário que ao mesmo   tempo servem de prelúdio para a edição de um trabalho discográfico intitulado   Victor Martins, gravado no MIDI-TECH Stúdio pelo seu produtor Hernâni Raposo,   (que também executa uma grande parte dos instrumentos musicais ao vivo que se   fazem ouvir no referido trabalho discográfico), apresentado em primeira mão   na Casa da Madeira no dia 12 de Abril de 2008. Uma colectânea de canções para   todos os gostos, algumas já conhecidas mas com nova roupagem, e outras   inéditas que Victor Martins fez questão fossem escritas por seu pai Manuel   Martins, seu primo, José Gabriel Martins, seu tio Dias de Melo, sua grande   amiga Maria Martins, David Rodrigues e Fátima Toste.

IMG_1772_small-476x286

Devido   à sua forte personalidade e sentimentos muito humanos, Victor Martins   sente-se profundamente grato por todo o apoio de que tem sido alvo tanto da   parte de seus familiares e amigos, como da Comunidade Portuguesa que o   recebeu de braços abertos aquando do regresso ao seu seio, para animar os   seus eventos com a sua contagiante alegria e convicção artística.

podem ver o site do artista

www.victormartins.ca

Anúncios

2 comentários sobre “.

  1. Obrigado amigo Mario Rocha,continuacao de sucessos para RadioMusical e todos responsaveis.E com muito prazer e muito gosto de apoiar esta RadioMusical e farei todo possivel de continuacao do mesmo.Continuacao de excelente programagem de Musica,esperando que os meus trabalhos sejam bem aceitados e se tudo correr bem,novo trabalho no proximo futuro!!Forte Abraco para Mario e restantes ligados a Radio Musical,tal como outros colegas artistas e ouvintes.Bom Ano de 2014,muita Saude!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s